0 comentários

Toyota regressa ao Campeonato Mundial de Ralis (WRC) com Yaris WRC em 2017

por em 30 Janeiro, 2015
 

Após vários anos afastada, a Toyota regressa ao Campeonato do Mundo de Ralis FIA (WRC), desta vez com o Toyota Yaris WRC, um modelo desenvolvido no seu centro técnico de Colónia, na Alemanha. Este modelo será submetido a um exigente programa de testes e desenvolvimento durante os próximos dois anos pela TMG, embora o Yaris WRC já tenha completado um programa de testes preliminares em asfalto e em terra, em algumas classificativas Europeias.

Equipado com um motor de 1.6 litros turbo de injecção directa, que debita 300cv de potência, este irá sofrer ainda várias afinações para permitir tornar o Yaris competitivo face à feroz concorrência que domina actualmente o campeonato. Vários pilotos tiveram oportunidade de testar o carro, como o francês Eric Camilli de 27 anos, que foi seleccionado a partir do programa de pilotos juniores da Toyota.

Eric vai integrar o programa de desenvolvimento do Yaris WRC, juntamente com o vencedor do Rali Francês Stéphane Sarrazin, e Sebastian Lindholm. O novo Yaris WRC utilizará as mesmas cores dos Toyotas de competição do passado, sendo que a sua estreia oficial decorrerá quase duas décadas após a conquista do último Campeonato Mundial de Ralis.

História marcantes da TOYOTA no WRC

1973 – 1º vitoria TOYOTA, Walter Boyce/Doug Woods conduzindo um Corolla TE20 no Rali Press On Regardless (Estados Unidos)
1984 – Primeira vitória no Rali Safari (Kenya) com Björn Waldegaard/Hans Thorzelius conduzindo o Celica Twincam Turbo (TA64)
1988 – Estreia do Celica GT Four, que seguiu-se mais 29 vitórias em Ralis do WRC rallies e 6 Campeonatos Mundiais (2 de construtores e 4 de pilotos) com as séries ST165, ST185 e ST205
1990 – Carlos Sainz é o primeiro piloto TOYOTA a conquistar o Campeonato Mundial de Pilotos Ralis, conduzindo um Celica GT-Four (ST165)
1993 – A TOYOTA é a primeiro construtor Japonês a vencer o Campeonato do Mundo de Ralis
1999 – 3º Título de Campeão Mundial de Construtores; apenas 2 marcas têm mais na história do WRC