0 comentários

Kia Stinger já tem encomendas em Portugal

por em 9 Março, 2017
 

O Kia Stinger, apresentado durante o início do ano no Salão Automóvel de Detroit, será a entrada definitiva da marca coreana no segmento Premium, através de uma berlina fastback desportiva, que deverá chegar ao mercado no final do corrente ano. Apesar de só agora estar a iniciar a fase de testes em estrada, circuito e em locais com temperaturas negativas extremas, a Kia Portugal já registou quatro unidades vendidas em Portugal. Como forma de agradecimento por todo o entusiasmo, a Kia Portugal decidiu levar os primeiros clientes do Kia Stinger ao Salão Internacional de Genebra, para que estes possam ver ao vivo a sua nova berlina desportiva de luxo.

“O facto de termos já unidades vendidas, a vários meses de distância das primeiras entregas, traduz o poder de atracção do Kia Stinger provocando a emoção, a vontade e o necessário impulso junto do público para o levar a avançar para a confirmação da compra, o que é de extrema importância num mercado cada vez mais competitivo, em especial nos segmentos Premium”, refere João Seabra, Director-Geral da Kia Portugal. O mesmo responsável sublinha que “este é também um importante voto de confiança do mercado na marca Kia e na sua rede de concessionários em todo o país”.

As unidades do Kia Stinger encomendadas em Portugal estarão equipadas com a motorização 2.2 CRDi de 200 cavalos, o que corresponderá a um preço a rondar os 60 000 euros. Além desta motorização, que deverá contabilizar a grande maioria das encomendas no continente europeu, o Kia Stinger estará igualmente disponível com um motor 3.3 V6 biturbo a gasolina com 370 cv, que o permitirá atingir os 100 km/h em apenas 5,1 segundos. Estará igualmente disponível outra motorização a gasolina, um 2.0 turbo, de 255 cavalos, estando as três motorizações associadas a uma caixa automática de oito velocidades. A versão 3.3 V6 poderá usar, como opcional, um sistema de tracção às quatro rodas.

Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe um comentário

 

Deixe uma resposta