0 comentários

Hamilton triunfante em Monza

por em 5 Setembro, 2017
 

O piloto Britânico da Mercedes-AMG Petronas voltou a dominar mais um Grande Prémio, desta vez em “casa” da rival Ferrari, no Autodromo Nazionale de Monza. Hamilton, que já tinha conquistado a Pole Position, teve uma corrida relativamente calma, tal como Valtteri Bottas, graças ao excepcional comportamento de ambos os monolugares da Mercedes-AMG, tendo a Ferrari conseguido o último lugar do pódio com Sebastian Vettel aos comandos, mas a mais de 36 segundos de Hamilton.

Através desta marca, Hamilton consegue assim a sua 59ª vitória da sua carreira, sendo esta a 4ª vitória em Monza, e a 6ª vitória esta época. Já o seu companheiro de equipa, Valtteri Bottas, conseguiu o seu primeiro pódio em Monza, tendo a equipa conquistado a 72ª vitória na Fórmula 1, e a 3ª vez esta época em que ambos os monolugares terminam nas primeiras duas posições.

Porém, o homem da corrida acabaria por ser Daniel Ricciardo, que conseguiu um surpreendente quarto lugar, mesmo tendo partido da 16ª posição da grelha de partida e assumido que não iria disputar para os pontos, apenas entreter os espectadores. A sua brilhante condução permitiu mesmo superar o segundo Ferrari, de Raikkonen, que terminou na quinta posição.

A mesma sorte não teve Verstappen, que não conseguiu melhor que a 10ª posição, após colidir na terceira volta com Felipe Massa, tendo sido obrigado a parar na boxe para substituição da roda dianteira. Já Felipe Massa, mesmo tendo esta colisão, conseguiu terminar na 8ª posição, a meras 67 décimas de segundo de Lance Stroll, o seu companheiro de equipa da Williams, que desempenhou uma emocionante prova com Esteban Ocon da Force India, que terminou em 6º lugar.

Através deste resultado, Hamilton regressa ao topo da tabela de pilotos, com 238 pontos, seguido por Vettel com 235 pontos, Bottas com 197, Ricciardo com 144 e Raikkonen com 138 pontos. Em termos de construtores, a Mercedes-AMG Petronas reforça assim a liderança com 435 pontos, seguida pela Ferrari com 373 e Red Bull Racing com 212 pontos.