Secções

Notícias

Ensaios

Ensaios

Toyota Auris TS Freestyle – Incentivo à aventura

Com a chegada da versão especial Freestyle da carrinha Auris Touring Sport, a Toyota oferece assim aquela que é, indiscutivelmente, a versão mais atraente da gama Auris, que tem ainda a particularidade de estar associada em exclusivo à versão carrinha e com motorização híbrida.

A gama Auris da Toyota tem vindo a desempenhar um papel importantíssimo para a Toyota no que toca à democratização das motorizações híbridas em detrimento do diesel, sendo mais de 60% das vendas da Toyota, a nível europeu, correspondentes a estas motorizações electrificadas. Aproveitando um restyling feito na gama Auris, a Toyota aproveitou para lançar a nova versão Freestyle, que acrescenta elementos habitualmente associados a veículos de todo o terreno.

Estamos a falar nas habituais aplicações de elementos como as protecções nos actos das rodas e saias laterais, bem como protecções inferiores nos para-choques dianteiro e traseiro, com acabamentos metálicos, que combinam na perfeição com as capas dos espelhos retrovisores. Existem ainda uma personalização na grelha frontal, que tem agora um acabamento a preto, vidros escurecidos atrás e elegantes jantes de liga leve de 17 polegadas, com fundo preto e acabamento maquinado.

 

Porém, ao contrário do que o visual aventureiro desta carrinha possa transmitir, a suspensão não foi alterada, mantendo-se a altura ao solo encontrada em toda a restante gama Auris, ou seja, evite aventuras fora de estrada para evitar possíveis danos causados por buracos inesperados, ou pedras soltas. De resto, esta versão conta com os já conhecidos atributos da Auris Touring Sport, como o compartimento de carga que pode chegar aos 1685 litros com os bancos traseiros rebatidos, ou seja, não foi influenciada pelo facto de se tratar de um modelo híbrido (embora tenha perdido 5 litros na capacidade do depósito de combustível).

Visualmente, a cor Vermelho Tokyo combina na perfeição com os elementos de protecção da carroçaria a preto e elementos metálicos, sendo esta, para mim, a versão mais atraente de toda a gama. No interior o destaque vai para o padrão dos estofos personalizados, os mesmos usados no nível Comfort, bem como o elevado nível de equipamento incluído, como o sistema de infoentretenimento Toyota Touch 2 com ecrã táctil de 7 polegadas, ligações USB, Aux e Bluetooth, ar condicionado automático, botão Push-Start, câmara traseira, volante com botões multifunções, entre outros.

Em termos de condução, não existem grandes novidades, visto que, tal como já dissemos anteriormente, não foi aplicada nenhuma alteração à suspensão desta Auris TS Freestyle. Como tal, o seu comportamento dinâmico mantém-se inalterado, tal como o desempenho da já conhecida motorização híbrida, composta pelo motor a gasolina com 1.8 litros, que funciona em conjunto com um motor eléctrico, garantindo assim uma potência combinada de 136 cavalos, bem como consumos muito próximos dos valores anunciados pela marca (4,3 l/100 km).

Infelizmente esses comportamentos não estão ao nível da imagem radical e aventureira da carroçaria, visto ter sido privilegiada a eficácia na condução, razão pelo qual a Toyota continua a utilizar a sua caixa CVT (variação contínua) com esta motorização híbrida. Esta solução é perfeita para países planos, mas algo desagradável em locais com demografia irregular, como a cidade de Lisboa. Ainda assim, mesmo nestas condições pouco ideais, a Auris TS Freestyle aqui testada conseguiu registar consumos baixos, e disponibilidade do motor sempre que foi preciso exercer alguma ultrapassagem ou arranque mais acelerado.

Ficha Técnica

Motor Prestações
Tipo Quatro cilindros em linha Velocidade Máxima 175 km/h
Capacidade 1798 cc Aceleração (0-100 km/h) 11,2 s
Potência 136 cv (potência combinada) Consumos (litros/100 km)
Binário 142 Nm (4000 rpm) Cidade (anunciado) 4,1
Transmissão Estrada (anunciado) 4,1
Tracção Dianteira Média (anunciada) 4,3
Caixa Caixa de Variação Contínua Emissões Co2 99 g/km
Chassis Preço
Dimensões (Comp. / Alt. / Larg.) 4595 / 1485 / 1770 mm Valor base €25 950
Peso 1815 Kg Valor viatura testada €29 350
Bagageira 530 / 1685 litros I.U.C. €201.58

Notas Finais

Design6.5
Interior5
Desempenho5.5
Consumos6.5
Equipamento7
Preço7

Gostámos

  • Visual elegante
  • Consumos
  • Nível de equipamento

A rever

  • Desempenho pouco apaixonante
  • Actuação da caixa CVT

Conclusão

6.3Não sendo um automóvel apaixonante como o Toyota GT86, a Auris TS Freestyle comprovou como é possível à Toyota criar modelos visualmente deslumbrantes, que se mantenham fieis aos princípios da marca, o de criar automóveis eficazes, seguros e confortáveis para toda a família viajar. Mesmo não tendo a geografia perfeita para explorar todas as capacidades da motorização híbrida da Toyota, esta Auris conseguiu consumos verdadeiramente baixos, mas que requerem alguma habituação (especialmente na actuação da caixa CVT).

Gustavo Dias