Secções

Notícias

Ensaios

Aviões

Boeing 737 MAX 8 realiza primeiro voo com sucesso

O novo Boeing 737 MAX 8 realizou o seu primeiro voo com sucesso, entrando assim na fase final dos testes e certificações, para que seja dado início à sua produção em série. Recorrendo ao mais recente reactor LEAP-1B da CFM International, e usando a mais avançada Winglet, desenvolvida pela própria Boeing, o primeiro membro da futura família 737 MAX completou o seu voo inaugural de 2h e 47m.

O percurso realizado foi ao longo da costa do pacífico, tendo levantado voo na pista de Renton Field, em Renton, no Estado de Washington às 9:46m, tendo aterrado às 12:33, na pista de testes da Boeing, em Seattle. Durante o voo, a equipa liderada pelo Comandante Ed Wilson e Craig Bomben (Vice Presidente das operações de voo e Chief Test Pilot) rumaram a Norte, tendo atingido uma altura máxima de 25 mil pés (7620m) a uma velocidade de 250 nós (463km/h), manobra habitual num primeiro voo de qualquer aeronave.

Apesar da equipa de pilotagem ter testado o comportamento da aeronave durante o voo, inúmeros sistemas de monitorização verificaram todos os parâmetros da aeronave, tendo enviado em tempo real toda a informação para o centro de comando de operações da Boeing, em Seattle.

“O voo foi um sucesso,” disse o Comandante Wilson. “O 737 MAX comporta-se correctamente, dando total confiança de que esta aeronave irá ao encontro de todas as expectativas dos nossos clientes.”

“O primeiro voo do 737 MAX, realizado hoje, leva-nos a um novo século de inovação, que será conduzido pela mesma paixão e engenho que tornou esta empresa no que sempre foi, ao longo dos seus primeiros 100 anos,” segundo Ray Conner, CEO e Presidente da Boeing Aviões Comerciais. “Estamos tremendamente orgulhosos por dar início aos testes de uma aeronave que irá oferecer uma economia de combustível sem precedentes numa aeronave com um só corredor central.”

Com mais três aeronaves 737 MAX 8 nas fases finais de produção, prontas para serem igualmente usadas exclusivamente para testes e certificações, a família Boeing 737 MAX encontra-se dentro do prazo para a primeira entrega, agendada para o terceiro trimestre de 2017, à Southwest Airlines.

Com o novo 737 MAX 8, a Boeing irá dispor de uma aeronave altamente eficiente, fiável e confortável para todas as classes de passagenros, capaz de oferecer uma redução de consumo de 20 por cento face à primeira geração do Boeing 737, e um custo por assento 8 por cento inferior ao seu rival directo, o Airbus A320 Neo.

O 737 MAX 8 é o primeiro membro da nova família de aeronaves com um só corredor central (737 MAX 7, MAX 8, MAX 200 e MAX 9). Através das tecnologias utilizadas na nova família 737 MAX, será possível percorrer mais de 3500 milhas nauticas (6,510 km), um aumento de 570 milhas (1,055 km) face à actual geração 737. Actualmente a Boeing dispõe de um total de 3,072 encomendas de 62 clientes globais para a nova família 737 MAX.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Gustavo Dias