Secções

Notícias

Ensaios

Ensaios

Mercedes-AMG CLA SB 45 Yellow Night Edition – Carrinha alucinante, mas… pouco discreta!

Finalizada a renovação da gama de compactos da Mercedes-Benz, e depois de termos já experimentado o Classe A, CLA e GLA, chegou a vez de testarmos a renovada versão AMG, tendo o formato escolhido sido a elegante carrinha CLA Shooting Brake (SB). Mas, conforme deve ter reparado já pela fotografia no inicio do artigo, e nas restantes ao longo do artigo, caso tenha feito “batota”, fique desde já a saber que esta versão pertence à edição limitada Yellow Night Edition. Porém, limitada não a nível de quantidade de produção, mas sim em período em que a mesma está disponível, saiba desde já que poderá adquirir este modelo até Março de 2018.

Começando pelo formato escolhido, a CLA SB mantém o visual de CLS SB compacta, ou seja, mantém o visual de uma carrinha “coupé”, graças ao efeito descendente do tejadilho após o pilar B, aliado ao facto de não existir moldura em torno dos vidros das portas. Face à versão anterior, as alterações são praticamente imperceptíveis aos menos atentos, especialmente nesta versão AMG, já que utiliza a tradicional grelha com a lâmina dupla central, em vez da grelha diamante.

Os para-choques também foram redesenhados, com o para-choques traseiro a receber o difusor traseiro integrado, estando esta versão AMG equipada com duas saídas de escape duplas escurecidas, revelando aos mais distraídos, estarmos perante um automóvel que não é para brincar. As ópticas também foram redesenhadas, passando agora a funcionar só com iluminação LED, tanto à frente como atrás. Não nos podemos esquecer das lindíssimas jantes de 19 polegadas AMG, com acabamento em preto matte.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mas, não nos podemos esquecer que estamos perante uma edição limitada Yellow Night Edition, razão pelo qual encontrará no exterior inúmeros elementos visuais diferenciadores, como uma faixa lateral e uma faixa dupla descentrada que começa junto à grelha e termina no final do tejadilho. Existem ainda inúmeros apontamentos em amarelo, como uma faixa junto aos retrovisores, saias laterais, em torno do difusor traseiro e junto às aplicações aerodinâmicas adicionais instaladas no para-choques dianteiro.

Por dentro encontrará um interior que combina bancos desportivos da Recaro que combinam pele com tecido ao centro com faixas e costuras amarelas, tapetes AMG também com costuras amarelas, molduras das saídas do ar condicionado em amarelho, tablier forrado em pele e volante em alcantara, com faixa central em amarelho. Por se tratar de uma versão AMG, a manete da caixa de velocidades está integrada na consola central, como nos modelos com caixa manual, estando embutido um comando rotativo que permite escolher o modo de condução desejado. Este permite ajustar o funcionamento do motor, da suspensão adaptativa, da caixa de velocidades e alterar a actuação do sistema ESP.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Não se preocupe se não referi a possibilidade de ajustar a sonoridade do sistema de escape, pois este está preparado para acordar toda a vizinhança sempre que ligar o carro. Prepare-se, porque a inveja é uma coisa feia, e o mais certo é começar a receber olhares estranhos, mas… que se lixe! Mantendo-se fiel à história da AMG de “um motor, um homem”, também o motor deste CLA SB 45 AMG foi montado por um só funcionário, neste caso um tal de Sebastian, conforme poderá ver na fotografia do logótipo AMG com a sua assinatura, na tampa do motor.

E já que falamos em motor, este bloco M133 continua a ser considerado o motor de quatro cilindros turbo mais potente do mercado, tendo recebido um aumento de potência face ao bloco original, passando agora a debitar 381 cavalos e 475 Nm de binário máximo, o que permite um rácio impressionante de 180,5 cavalos de potência por cada litro de cilindrada.

Este motor, associado à excelente caixa de dupla embraiagem AMG SpeedShift DCT de sete velocidades e sistema de tracção integral AMG Performance 4MATIC, garante um poder de aceleração de apenas 4,3 segundos para atingir os 100 km/h. Este tipo de desempenho coloca-o ao nível de verdadeiros desportivos, como um Porsche 911 Carrera S, com a vantagem de poder transportar a família, e ir ao IKEA comprar uma nova cómoda para casa. Seria esta a nossa escolha? Sim, certamente, mas não nesta versão Yellow Night Edition. Desculpa Mercedes-Benz Portugal…

Agradecimentos: Não podemos terminar este ensaio sem agradecer a imensa disponibilidade do LisboaKart (Link no Facebook), junto a Odivelas, bem como do nosso amigo e antigo colega deste mundo automobilístico, Vitor Costa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ficha Técnica

Motor Prestações
Tipo Quatro cilindros em linha Velocidade Máxima 250 km/h
Capacidade 1991 cc Aceleração (0-100 km/h) 4,3 s
Potência 381 cv (6000 rpm) Consumos (litros/100 km)
Binário 475 Nm (2250 rpm) Cidade (anunciado) 9,6
Transmissão Estrada (anunciado) 6,0
Tracção Integral Média (anunciada) 6,9
Caixa Automática de sete velocidades Emissões Co2 171 g/km
Chassis Preço
Dimensões (Comp. / Alt. / Larg.) 4640 / 1435 / 1777 mm Valor base €69 000
Peso 1615 Kg Valor viatura testada €83 000
Bagageira 495 / 1354 litros I.U.C. €145.05
Gustavo Dias